Nitendo 3DS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Nitendo 3DS

Mensagem  MP0x em Sab Abr 02, 2011 9:52 am

Nintendo 3DS aposta em games com imagem em 3D; veja impressões
Portátil chega às lojas dos EUA no domingo (27) por US$ 250.
Fifa Live 360 conta como é a experiência inicial com o novo videogame da Nintendo.



Nintendo 3DS é o novo videogame portátil da Nintendo.

O grande destaque do Nintendo 3DS, o novo portátil da Nintendo, é a possibilidade de apresentar imagens em 3D sem a necessidade de utilizar óculos especiais. Entretanto, outras funções do aparelho como a possibilidade de tirar fotos tridimensionais e permitir jogar games de realidade aumentada conseguem roubar a cena nos primeiros momentos com o aparelho em mãos.
O portátil de duas telas chega ao mercado norte-americano no domingo (27) pelo preço de US$ 250. O Brasil ainda não possui data de lançamento nem preço definidos. Procurada pelo G1, a Gaming do Brasil, que representa a Nintendo no país, disse que também não possui uma data definida para pré-venda do aguardado portátil. No Japão, o videogame foi lançado no dia 26 de fevereiro.

Tirando da caixa


Itens que acompanham o 3DS na caixa (da esquerda para a direita): base, carregador,
videogame e manuais.

A versão que o G1 testou já apresenta menus e games pré-instalados em português brasileiro. Em entrevista realizada em janeiro, Mark Wentley, gerente de marketing da Nintendo para a América Latina, disse que este é o primeiro aparelho da empresa a apresentar o idioma falado no Brasil. A cor do portátil é a Aqua Blue – a outra tonalidade disponível é Cosmo Black.
Dentro da caixa, além do Nintendo 3DS, está um cabo de energia exclusivo para o console, uma base de carregamento da bateria, um cartão SD de 2GB (ele já está dentro do aparelho), manuais e cartões de realidade aumentada.
Em um primeiro momento, o videogame é bastante similar à versão Lite do DS, apresentando bom acabamento. Entretanto, ele é um pouco mais gordinho que a versão DSi e Lite.
O acabamento dos botões é bom e a alavanca analógica, novidade do 3DS, é boa, trazendo melhor controle nos jogos com imagens em 3D.


Cartões de Realidade Aumentada (no centro) estão junto com os manuais

Ao ligar o Nintendo 3DS pela primeira vez, um aviso pede que o usuário insira uma série de dados como o idioma, hora e data. Em seguida, é necessário preencher um perfil, indicando o nome do jogador, data de nascimento, país e estado. Na seleção de línguas, a opção de português e o país Brasil e os estados estavam disponíveis. Entretanto, a Nintendo afirma que a versão do aparelho é voltada para o mercado norte-americano.
Em seguida, foi necessário configurar o videogame em uma conexão sem fio à internet. Antes de tudo, uma mensagem no aparelho avisa que, por meio de conexões sem fio, ele irá atualizar o sistema e baixar dados automaticamente. Para conectar o aparelho na rede, o usuário pode optar por realizar uma configuração manual ou seguir mensagens que mostram o que deve ser feito em detalhes.
Uma janela pergunta se o recurso "Street Pass", que permite ao aparelho trocar informações com outros 3DS na rua, por exemplo, pode ser ativado. Do mesmo modo, uma tela pergunta sobre o recurso de Controle de Pais pode ser ativado. Ele faz com que o aparelho regule automaticamente o nível de 3D, não recomendado pela Nintendo para crianças menores de 7 anos, e o tempo em que o videogame ficará ligado nas mãos dos pequenos. Após as configurações iniciais, o aparelho já pode ser utilizado normalmente.
Menu em português
A primeira tela que o jogador verá ao ligar o Nintendo 3DS pela primeira vez é o menu principal. Ele apresenta diversos ícones que levam desde aos games que estão nos cartuchos até outros recursos como máquina fotográfica, gravador de som, "Criador Mii", jogos de Realidade Aumentada, entre outros. As opções dos menus aparecem em 3D na tela superior.
A tela de informações de segurança é a primeira neste menu, mostrando a preocupação da Nintendo com as imagens em 3D. Nesta opção aparecem manuais de precauções sobre imagens em 3D, precauções de uso do aparelho e precauções gerais.
Uma aba na parte superior da tela sensível ao toque permite configurar o menu inicial, escolhendo qual o tamanho desejado para os ícones. Nesta mesma aba, o jogador pode selecionar o brilho da tela, a lista de amigos, notificações (que mostra mensagens do 3DS e do "Street Pass", por exemplo) e o botão de navegador de internet. Este recurso, no entanto, estará disponível apenas depois de uma grande atualização de sistema do aparelho previsto para maio.


3DS rodando games de Realidade Aumentada (AR). Os menus do aparelho e os programas pré-instalados estão em português.

Câmera 3D

O recurso que mais chama a atenção ao ligar o Nintendo 3DS pela primeira vez é a máquina fotográfica que permite obter imagens tridimensionais. O 3D é ativado pela barra lateral que define o nível do recurso. Basta o usuário apontar e fotografar a imagem. É possível visualizar as fotos em 3D na tela especial e, levando o cartão de memória SD para outros aparelhos compatíveis com a tecnologia como televisores 3D que usam óculos ou PCs, por exemplo.
O "Criador Mii" também usa a câmera. Nele, o jogador pode fotografar amigos para que o sistema crie os avatares da Nintendo chamados Miis. O console pega informações da aparência do indivíduo e cria personagens únicos. Ainda, após a criação, é possível realizar alterações nas feições como nariz, boca e olhos e, ainda, se deseja compartilhar os Miis com outros usuários pelo "Street Pass".
As imagens apresentam uma sensação de profundidade com o 3D ligado. Colocando os braços para a frente em uma fotografia, por exemplo, a sensação é que eles levemente saltam da tela. O 3D, no entanto, não pode ser reproduzido em fotos ou vídeos.

"Street Pass"

O "Street Pass" é ativado automaticamente, basta deixar o videogame ligado mas com a tela fechada. Desse modo, os avatares Miis e dados de jogos são trocados com outros jogadores que o usuário "cruzar" na rua ou por meio da internet. Além disso, um pedômetro conta os passos que são dados com o 3DS no bolso e na mochila. A cada 100 passos, o jogador recebe uma moeda que pode ser trocadas por itens dentro dos minigames "Mii Resgate" e "Mii Puzzle", presentes na opção "Praça Mii".
Em "Mii Resgate", é necessário salvar o rei, que é o dono do portátil. É preciso moedas para contratar heróis ou usar os Miis compartilhados pelo "Street Pass". Eles devem enfrentar fantasmas e outros perigos ao longo de diversas fases.
Já no "Mii Puzzle" são trocadas peças de puzzle com pessoas por meio do "Street Pass" para completar um quadro. A imagem que aparecerá será em 3D. Os quadros são baseados em jogos da Nintendo e a primeira peça que apareceu no teste do G1 foi do game "The Legend of Zelda".


Comparação entre o Nintendo DS Lite (branco) e o 3DS.

Realidade Aumentada

Seis cartões de realidade aumentada acompanham o Nintendo 3DS. Um deles serve para jogar os games e os outros 5 para, em uma das opções da seção "AR Games", permitir a visualização dos personagens da Nintendo em 3D. Isto é feito no game "Paparazzi". Nos jogos de Realidade Aumentada, o jogador visualiza itens que aparecem apenas na tela do videogame, processados em cima do vídeo captado pela câmera.
Entretanto, outras opções como "Arqueiro", um game de arco e flecha, "Mini-bilhar", em que é necessário dar tacadas em uma bolinha em um terreno em constante mutação. No "Rabisco", tudo o que o jogador desenhar se transforma em 3D; em "Pescaria é preciso mover o 3DS para pescar um peixe; e no "Foto Mii", os Miis podem ser vistos como estátuas.


Imagens mostra a tela de "Registro de Atividade" do Nintendo 3DS.

Além de jogar, é preciso se mexer

Depois de jogar muitos games e de caminhar com o Nintendo 3DS, o jogador pode acessar tudo o que ele fez na opção "Registro de Atividade". Nela é possível ver o tempo gasto nos jogos, quantos passos foram dados e quanto tempo de uso do DS no total, indicando o jogo ou aplicativo mais usado.
Esta seção aparece em forma de gráficos, o que é interessante para quem deseja saber quanto tempo gasta no videogame. Jogos do Nintendo DS tradicional, que funciona no 3DS, mas sem imagens tridimensionais, também aparecem neste registro.
Há uma seção de "Notas de Jogo", onde é possível escrever mensagens e anotar alguns detalhes de games, recurso que pode ser visto em qualquer momento, pressionando o botão Home do videogame.
Há, ainda, o gravador de som, presente nos outros modelos de DS, em que é possível brincar com gravações de voz, deixando-as mais agudas ou graves, por exemplo.


Nintendo 3DS em cima de base de recarregamento de bateria.

(informações obtidas pelo G1).
avatar
MP0x
Admin

Mensagens : 29
Melhores Fifa : 0
Data de inscrição : 20/03/2011
Idade : 24
Localização : Osasco/SP

Ver perfil do usuário http://fifalive360.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum